Pagar as compras usando o aplicativo está virando hábito

0
260
Homem segura celular com a mão e mostra imagem em 3D saindo do aparelho. É crescente o uso de aplicativo.
Pagar as contas usando o aplicativo do celular também em lojas físicas está deixando de ser mistério para as pessoas.

Informe Publicitário

Você imaginou, há alguns anos, que iria pagar as compras usando o aplicativo do celular?

Milhares de pessoas também nunca pensaram nisso e um dia decidiram quebrar o tabu e descobrir de verdade como funciona essa modalidade de pagamento.

Elas queriam as vantagens oferecidas pela nova tecnologia, mas sem abrir mão da segurança.

Hoje já sabem que as informações dos apps ficam mais protegidas porque estão criptografadas. Basta digitar a senha no aviso enviado ao aparelho e o débito é automático.

Essas pessoas conseguem pagar as compras usando o aplicativo do celular apenas aproximando o aparelho da máquina oferecida pela loja. Veja agora como essa tendência tem crescido no Brasil e no mundo.

Tecnologia acessível muda o comportamento e transforma o mercado

Cada vez mais pessoas estão usando aplicativos de celular para pagar as compras em lojas físicas. Essa já é uma realidade mundial e brasileira. Praticidade e segurança estão entre as vantagens que as levam a aderir à nova tecnologia. Descubra por que essa é uma mudança de hábitos sem volta.

Da mesma forma como você se acostumou a usar o cartão porque era mais simples e seguro do que andar com dinheiro, também vai se adaptar a pagar a conta por meio dos aplicativos.

Segundo a pesquisa Comércio Móvel no Brasil, realizada em agosto de 2019 pela Mobile Time em parceria com a Opinion Box, 17% dos internautas brasileiros com smartphone já fizeram pagamento por aproximação.

Veja alguns motivos que explicam essa ascensão:

  • Campanhas de esclarecimento
  • O aumento da oferta de carteiras digitais
  • Adaptação das máquinas de pagamento localizadas nas lojas.

Já a pesquisa Uso de apps no Brasil, feita Mobile Time em dezembro de 2019, revelou que a quantidade de pessoas que possuem relógio ou pulseira conectados ao smartphone cresceu de 10% para 16% no período de um ano.

Esse acessório high tech está se tornando popular por causa do lançamento de modelos mais baratos de wearables. Lojas online vendem certas versões de pulseiras por menos de R$ 100.

Os responsáveis pela pesquisa chegaram à conclusão de que a tecnologia está se tornando uma extensão do corpo humano e isso aumentará o número de pagamentos feitos por aproximação.

Mais um motivo que acelerará a velocidade dessa mudança de comportamento está na popularização de transações eletrônicas de pequeno valor. Entre elas, no pagamento do transporte público, como ocorre em algumas grandes cidades.

Quando qualquer tecnologia se torna acessível, a ponto de toda população aderir à novidade, a mudança do mercado é só uma questão de tempo.

Pagar as compras usando aplicativo é hábito no exterior

Em vários países, é cada vez mais comum usar o aplicativo de celular para pagar a conta em todo o comércio local.

O pagamento feito por meio de aplicativos de celular está muito avançado na China, mas outros países também já usam essa tecnologia no dia a dia.

Japão, Coréia do Sul e Estados Unidos são apenas alguns exemplos de quem já aderiu à inovação.

Na Europa, o volume de operações com pagamento a distância chega a 40% do total realizado.

A Austrália também se destaca no grupo de quem está integrado com a novidade, somando 90% das transações comerciais finalizadas por meio do aplicativo.

Já na América Latina, a situação é mais parecida com a do Brasil, mas ela também começa a se adaptar.

A Argentina registra 14,5% de operações feitas dessa forma e o México, 10,2%.

Até no Quênia, na África, o sistema deu certo. Mas o sucesso por lá se deve ao fato de que a população não tem muito acesso aos bancos.

Então, os pagamentos no comércio são feitos com o celular. Isso também ajudou a reduzir o número de assaltos porque a população parou de andar com dinheiro.

Estima-se que mais de 10 milhões de pessoas usem o celular para fazer qualquer tipo de pagamento no Quênia.

Esse país é mais uma prova de que a tecnologia acessível à toda população muda costumes e traz avanços.

O futuro chegou. No exterior e também, por aqui.

Resta saber quem logo vai aderir às tendências ou ficar na poeira e deixar de aproveitar as vantagens do mundo moderno.

Facilidade de pagamento com aplicativo também pede mais controle financeiro

A população e o governo estão mais conscientes de que é preciso atenção quando se trata de controle financeiro.

Um exemplo disso está no limite que o Banco Central fixou para a cobrança de juros no cheque especial.

Hoje, os bancos só podem cobrar juros de até 8% ao mês nessa modalidade de crédito. É o equivalente a 151,7% ao ano.

Existe a expectativa de que também seja fixado um teto para a cobrança de juros do cartão de crédito, pois é a taxa mais alta do mercado.

Ela certamente ultrapassa 300% ao ano, para quem atrasa o pagamento ao menos do valor mínimo da fatura.

Mesmo sem nenhuma regra nessa categoria, muitas pessoas já estão mudando o comportamento de compra porque perceberam o quanto é ruim perder o controle financeiro.

Há várias formas de usar o cartão com equilíbrio:

  • Defina alguns itens para pagar com o cartão e pense muito nas exceções
  • Mantenha o limite de crédito no valor máximo de 30% da sua renda
  • Prefira cartões sem cobrança de anuidade e demais taxas
  • Agende a data de vencimento próxima ao dia do pagamento
  • Pague o valor total da fatura, para evitar o crédito rotativo
  • Escolha cartões que ofereçam mais vantagens a você, como taxas de juros mais baixas.

Mais um ponto importante é a possibilidade de usar o cartão como ferramenta de controle financeiro. Ele pode ser seu aliado se for utilizado com inteligência.

Os aplicativos dos cartões ajudam a controlar os gastos e assim você não leva um susto quando chega a fatura.

Há vantagem em parcelar as compras, mas evite acumular prestações. Mesmo que o valor de cada uma seja baixo, o total delas vai comprometer o limite e te deixar sem saída quando precisar usar o cartão numa emergência.

Veja todas as vantagens que um cartão pode lhe oferecer

É muito importante pesquisar para conhecer quais são todos os benefícios que o cartão pode oferecer hoje para você.

Há muita variedade de cartões oferecidos no mercado e isso é positivo porque você pode escolher o que for melhor para atender as suas necessidades.

Nem sempre o mais conhecido é o mais indicado ao seu perfil.

Algumas empresas estão criando parcerias bem interessantes na cidade onde estão sediadas e tal decisão visa a valorização do comércio local.

Então, se procurar por aí onde você mora, com certeza vai encontrar alguns lugares que oferecem vantagens só concedidas a quem trabalha com certa bandeira. É uma questão de exclusividade.

E ainda existe a possibilidade de pagar as compras por meio do QR code e usufruir as vantagens do cashback.

Cada lugar fixa uma porcentagem de devolução e você é quem sai ganhando. Ainda dá para assistir a shows, peças de teatro e, claro, também curtir um cinema com a família.

Quanto mais usar o aplicativo, mais você pode acumular o dinheiro que vai pegar de volta e usá-lo quando quiser num estabelecimento credenciado. É você quem decide quando e onde usar.

Além disso, o aplicativo vai te ajudar a fazer todo o controle financeiro porque os dados estão todos na palma da mão.

Já foi o tempo em que as instituições indicavam produtos e serviços sem se preocupar com as consequências para quem as contrata.

Atualmente, cada ação é pensada para facilitar a vida de seus clientes e há quem disponibilize o pagamento do cartão no prazo de 60 dias.

Certamente, você pode ter um cartão feito sob medida para você. Fique de olho nas oportunidades.