Empório do Norte chega a 100 anos e agora segue também com loja virtual

0
127
Família Valente reunida no Empório do Norte.
Dirceu Pereira Valente, que está atrás de seu filho, Dirceu Valente, foi o responsável por dar continuidade aos negócios.

Informe Publicitário

O Empório do Norte é a mais antiga empresa localizada em Taubaté (SP) e agora inaugura sua loja virtual para oferecer mais facilidade a seus clientes.

Ela entra no ambiente virtual, mas não abandona a tradição. Uma das provas disso está no nome escolhido para o e-comerce: EDNshop.

Com certeza, lá você também vai encontrar tudo o que precisa para o seu lar.

O atendimento, mesmo a distância, continua sendo de alto padrão. Agora com a comodidade de você fazer os pedidos sem precisar sair de casa.

Veja quais foram os primeiros passos dessa empresa que tem sua trajetória alinhada com a história de Taubaté.

Veja como começou a história dessa empresa centenária

A partir de 1895, a prefeitura de Taubaté passou por algumas mudanças e firmou parceria com os bancos locais.

Isso fez com que o município pudesse oferecer crédito para comerciantes, profissionais liberais e, dessa forma, colaborasse com a expansão dos negócios na cidade.

Uma das pessoas que aproveitaram a oportunidade foi o visionário Demócrito Valente. Ele inaugurou o Empório do Norte no dia 3 de dezembro de 1919.

Aquele período era repleto de desafios.

E as dificuldades do passado foram superadas tendo como base a esperança em dias melhores. Naquela época, Demócrito atuava no ramo de secos e molhados.

Trata-se do tipo de comércio em que se vendia produtos a granel, ou seja, sem embalagem. A freguesa chegava e pedia a quantidade que precisava de feijão, arroz ou farinha.

Os produtos ficavam expostos no chão, dentro dos mesmos sacos de estopa em que eram levados até ali. O dono até usava uma grande caneca de metal para pegar os grãos.

A balança era aquela com os dois pratos lado a lado. Em um deles, Demócrito punha o peso de ferro, por exemplo, contendo um quilo. No outro, colocava o saquinho da compra ainda aberto e ia completando com a quantidade de grãos até chegar a um quilo.

Com certeza, a família Valente ainda conta várias histórias daquela época.

O nome do negócio surgiu na época dos anos de ouro do café no Brasil. Taubaté ficava no norte do estado de São Paulo e, ao mesmo tempo, era caminho para quem seguia rumo ao norte do país.

Então, o negócio de secos e molhados já nasceu com o nome de Empório do Norte, pois seria parada obrigatória para os viajantes.

Foi diante dessa realidade que Demócrito fundou o Empório do Norte há cem anos.

A segunda geração assume o controle dos negócios

Dirceu atende os cliente e fica de olho nos funcionários.
Dirceu, de bigode, sempre esteve à frente dos negócios, não só na administração, mas também no contato com clientes.

Em meados de 1940, Dirceu Pereira Valente, filho mais velho de Demócrito, assumiu o comando da empresa.

Naquela época, já havia acabado a Segunda Guerra Mundial e o governo tomava a iniciativa de retomar o crescimento econômico do país.

Em 1947, o presidente Eurico Gaspar Dutra lançou o Plano Salte, cujo objetivo era estimular o desenvolvimento de setores como saúde, alimentação, transporte e energia.

Tais mudanças no país também levaram a família a se adaptar aos novos tempos e a mudar seu ramo de atuação. Antes de mais nada, era preciso entender o panorama do Brasil.

Dessa forma, Dirceu ampliou o horizonte e começou a deixar o perfil de secos e molhados para ficar existente apenas na história do negócio. Às vezes, mudanças assim são necessárias.

A quantidade de itens comercializados na loja passou a ser bem maior. De acordo com a visão de mercado mantida pelo jovem empresário, tornou-se necessário oferecer tudo o que as pessoas precisavam usar dentro de casa. Ele, então, adotou já naquele período o conceito de comércio de utilidades domésticas.

Logo o Empório do Norte passou a ficar conhecido como o lugar onde se encontrava de tudo. Tinha desde açúcar, até ferramentas leves e xaxins.

Em princípio, isso tinha a ver com o que estava acontecendo no Brasil. Se o governo intervinha com o objetivo de investir nos setores muito importantes ao crescimento do país, tal atitude dava mais segurança em relação ao futuro.

Dessa forma, Dirceu se sentia mais tranquilo para fazer o que era necessário à máxima expansão do negócio nesse período.

Seus planos deram certo e no decorrer dos anos o Empório do Norte se firmou como uma das principais empresas de Taubaté.

Aquele próspero comércio familiar havia criado sólidas raízes, fazendo com que as gerações seguintes dessem continuidade ao empreendimento.

Empório do Norte oferece mais utilidades domésticas

Na porta à esquerda, está Dirceu Pereira Valente. De camisa branca, Décio aparece ao lado de seu padrinho,Aristófanes.

A terceira geração da família assumiu a direção do Empório do Norte durante a década de 1970.

O Brasil enfrentava desafios financeiros e a partir de 1979, com a posse do presidente João Figueiredo, começou a transição para acabar com o governo militar.

De 1985 em diante, vários planos econômicos para acabar com a inflação foram um completo fracasso.

Décio de Oliveira Valente enfrentou de cabeça erguida aquela fase em que era bem difícil administrar a empresa no meio de tanta incerteza quanto aos rumos do país.

Mesmo assim, ele ampliou ainda mais a estratégia de oferecer tudo o que era necessário dentro de uma casa:

  • Ferramentas
  • Utilidades domésticas
  • Itens de hidráulica e de elétrica
  • Artigos para pequenos consertos
  • Peças de reposição para eletrodomésticos

Tal iniciativa não apenas deu certo, mas também aumentou sua confiança para abrir mais duas lojas.

Quem assumiu o controle delas foram seus irmãos, Dirceu e Demócrito (o Zito) Valente.

A segunda unidade se especializou no conserto de panelas e peças para gás. Já a terceira, ofereceu manutenção a eletrodomésticos em geral.

Irmãos Valente levam Empório do Norte para a internet

Os irmãos Felipe, Fábio e André assumiram os negócios do Empório do Norte.
Os irmãos Felipe, Fábio e André Valente não temeram os desafios e ampliaram a empresa para atuar no meio digital.

Décio de Oliveira Valente faleceu de forma precoce em 2009 e tal fato levou seus filhos André, Fábio e Felipe Valente a assumirem os negócios da família.

Essa tarefa não era nada fácil porque era muita responsabilidade lidar com a perda do pai e ao mesmo tempo dirigir uma empresa que já estava com 90 anos.

Mesmo assim, eles ergueram a cabeça, arregaçaram a manga e fizeram o que era necessário. O pior ficou para trás e, com o tempo, novos projetos começaram a surgir.

O mais atual diz respeito à criação da loja online, cujo objetivo é levar o Empório do Norte a alçar voos mais distantes.

Essa ideia surgiu após o negócio completar seu centenário. O Empório do Norte é não apenas a empresa mais antiga de Taubaté em atividade, mas também uma das mais longevas do país.

Sua loja virtual é a EDNshop, tendo em vista conservar o tradicional nome dessa secular empresa.

Os próximos passos seguem em direção ao mundo digital, com o objetivo tanto de facilitar, quanto de criar nova forma de contato com seus clientes.

A partir de agora, qualquer pessoa já pode comprar o que precisa sem sair de casa. Facilitar a vida do cliente está no DNA dessa empresa.

Mesmo no ambiente online, a qualidade de atendimento e a variedade de produtos oferecidos continuam os mesmos.

Caso você more em Taubaté, é bem capaz que tenha pelo menos um item comprado no Empório do Norte.

Tal realidade é motivo de orgulho para a família Valente, que sempre se sentiu bem próxima de seus clientes.

Por isso, a diretoria agradece a parceria de tantos anos e espera ver você também na loja virtual.