Arcturianos trouxeram tecnologia de cura para o planeta

0
133
Arcturianos estão bem distantes da Terra.
Os Arcturianos estão longe da Terra, mesmo assim se preocupam com nosso planeta e nos ajudam a curar doenças.

Informe Publicitário

Você já ouviu falar dos Arcturianos  Arcturianos e do que eles fazem pela Terra?

Os conhecimentos enviados por eles são aplicados desde o Egito Antigo e até o pintor Leonardo da Vinci os usou no trabalho dele.

Você também pode ter acesso a essas informações e melhorar sua vida.

Descubra o que antigamente era reservado apenas aos iniciados e hoje está à disposição de todos. Basta acreditar que não somos os únicos seres inteligentes do universo.

Extraterrestres têm contato com a Terra há muitos anos

Os Arcturianos são vistos como uma das civilizações mais evoluídas do universo. Eles trouxeram vários conhecimentos para a Terra e também sempre ajudaram no nosso progresso. A Nasa já descobriu onde fica o planeta deles e chegou a hora de você saber um pouco mais sobre esses extraterrestres.

Desde a época das cavernas há registros da presença alienígena na Terra e os especialistas no assunto têm vários documentos que provam tal existência.

Uma das marcas mais comuns da passagem de seres de outros planetas por aqui, de acordo com os ufólogos, são os crop circles.

Talvez você não os reconheça pelo nome, mas com certeza já viu uma foto dos desenhos gigantes feitos do dia para a noite nas grandes plantações.

Alguns analistas afirmam que essas imagens foram feitas pelo homem. Mas é difícil explicar como elas podem ter proporções matemáticas tão perfeitas.

Os desenhos são maiores que um campo de futebol. Quantas pessoas seriam necessárias e quais ferramentas usariam para agir tão rápido e à noite, sem ninguém ver?

Essas formas geométricas começaram a surgir na década de 1970, principalmente na Inglaterra. Ufólogos estimam que até hoje foram feitos mais de 20 mil desenhos no mundo.

Vamos analisar um pouco mais a possível origem dos crop circles.

A simetria deles é perfeita e acredita-se que sejam feitos para transmitir mensagens.

Quando alguém olha uma obra de arte, sabe que seu autor tem inteligência e muita técnica, por exemplo, para pintar.

Quem criou tal quadro não foi uma criança, nem um homem sem talento. O trabalho foi fruto de uma mente madura e bem preparada.

Sendo assim, é fácil supor que o responsável pelos crop circles tenha capacidade privilegiada para desenhar em plantações.

É uma aptidão, no mínimo, singular. Mas por que um artista tão original permaneceria anônimo?

Os desenhos nas plantações não têm vestígios humanos

Crop Circles são desenhos feitos por extraterrestres nas plantações.
Os Crop Circles podem ser maiores que campos de futebol e nessa imagem feita na Suíça as pessoas analisam o local.

Quais informações estariam contidas ali e a quem seriam destinadas?

Se quase todo mundo ignora de que se trata, fica difícil encontrar seus prováveis autores. Quem não compreende a mensagem, com certeza não é seu emissor.

Até existem certos desenhos que foram feitos por humanos, mas são obras de artistas conhecidos como circlemarkes. E, claro, algumas tentativas de fraude.

No livro Os círculos Ingleses e suas mensagens extraterrestres, escrito por Lewton Burity Verri, o autor mostra como diferenciar os crop circles verdadeiros dos falsos.

  • Há normalidade da irrigação na plantação
  • Ausência de vestígios da ação humana: marcas de pneus, combustível ou ferramentas cortantes
  • As plantas onde estão os círculos sofrem mutações celulares (seus caules apresentam nós)
  • O perfil magnético (registrado por um magnetômetro) imita a forma real do círculo
  • São encontrados rastros de material magnético nas plantas
  • Alguns círculos apresentam substâncias sintetizáveis apenas em laboratório, como por exemplo, telúrio, vanádio e bismuto.

Esses desenhos são feitos há 50 anos e já foram analisados de todas as formas. Então, há duas conclusões: não existe explicação lógica para tal produção; ela deve ter sido feita por seres com conhecimentos muito superiores aos da Terra.

Ufólogos acreditam que esses registros sejam feitos pelos Arcturianos. Trata-se de uma das civilizações mais avançadas do universo, em todos os sentidos.

No nível de ascensão deles, a 5ª dimensão, já não há corpo físico. O espírito se expressa sem a necessidade do veículo material para se manifestar durante a vida.

Arcturianos fizeram contato para explicar os desenhos

Em 2003, um irlandês conhecido apenas como Janosh começou a ter visões de imagens tridimensionais coloridas. Logo percebeu que se tratava das mesmas formas geométricas vistas há anos nas plantações: os crop circles.

Depois disso, ele conta que passou a ser contatado por um ser de Arcturo e esse visitante lhe informou que as imagens das plantações transmitiam mensagens por meio da Geometria Sagrada.

Segundo Janosh, que é referência mundial quando se fala sobre esse tema, a Geometria Sagrada transmite elevada quantidade de informações que provocam certas reações nas pessoas.

O objetivo dos círculos é levar a humanidade em direção a conquista de uma consciência mais elevada.

Na prática, cada desenho passa uma informação e no total existem mais de cem códigos criados com o objetivo de desenvolver algo bastante específico.

Ele ainda escreveu Mandalas Extraterrestes – A arte extradimensional dos círculos nas plantações. Aqui no Brasil, esse livro foi publicado pela editora Pensamento.

Hoje o inglês também trabalha como artista visual e suas apresentações multimídia baseadas na Geometria Sagrada rodam o mundo inteiro.

Ela está sendo mais divulgada hoje em dia, mas na verdade é conhecida há milênios pela humanidade.

Pode ser vista no Egito Antigo, nas clássicas construções gregas e ainda na história das civilizações cristãs e hindus.

O pintor Leonardo da Vinci não apenas a conhecia, mas também a aplicou para criar sua obra-prima: Monalisa.

Quem tiver interesse em saber como essa técnica foi usada em várias ocasiões no decorrer da história, pode ler o livro Geometria Sagrada e as Origens da Civilização: A revelação dos maiores enigmas da história por meio da ciência dos números. Ele foi escrito por Richard Heath e editado pela Pensamento.

Mesa de Cura Diamante PB possui Códigos Arcturianos

Os Códigos Arcturianos têm várias funções.
Existem mais de 100 Códigos Arcturianos e eles têm funções bem específicas. A imagem acima está relacionada à cura.

Os tratamentos holísticos alcançam resultados positivos porque trabalham com energia e agem direto na fonte do problema.

Uma das provas da eficácia deles está no fato de que várias terapias integrativas são reconhecidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e também pelo Sistema Único de Saúde (SUS), no Brasil.

E ainda há muitas ferramentas a disposição desses terapeutas que olham o ser humano em sua totalidade, ou seja, nos seus aspectos físico, emocional e espiritual.

Mariana Santos, de Belo Horizonte (MG), começou a entrar em depressão no início da pandemia. Ela estava sem energia até para se levantar da cama e bastante desanimada. “Eu me sentia triste, ansiosa e insegura”, revela Mariana, que é microfisioterapeuta.

Para a acabar com tal problema, ela procurou a terapeuta Pätrícia Beni e passou pela consulta com a Mesa de Cura Diamante PB®.

Trata-se de um instrumento de trabalho desenvolvido pela própria Pätrícia, cujo conjunto de símbolos contidos nele tem como base a Geometria Sagrada.

A terapeuta decidiu atuar com esse conhecimento elevado porque os Arcturianos trazem diversas informações sobre curas das doenças.

O resultado obtido por Mariana veio rápido e ela sentiu a situação mudar logo depois da sessão. “Passei a ter disposição para fazer o que era necessário, resolver pendências e colocar a vida em ordem”, declara. “O retorno foi até surpreendente”, completa.

Mais um benefício destacado pela microfisioterapeuta foi ter saído da zona de conforto e reunido coragem para enfrentar os desafios do dia a dia. Ela sentiu sua vida destravar porque também eliminou crenças limitantes e negativas. “Abri as portas ao desconhecido, ao que é novo”, reflete.

Pätrícia oferece resultados como esse aos clientes, inclusive porque a Mesa de Cura Diamante PB® está alinhada aos ensinamentos dos Arcturianos.

Clique no banner e veja como a Pätrícia pode te ajudar.

Crédito:

Foto de Crop Circles na Suíça: Jabberocky – Domínio público em Wikimedia Commons.

Foto do Código Arcturiano ligado à saúde: Janosh Art.